Pensar Acreditar

Eu quero o trabalho dele: Conheça Bo pontes, fotógrafo mais fodão do mundo

By

Suspensão de aviões, nadar com tubarões e levantar-se perto e pessoal com os melhores atletas do mundo é apenas mais um dia de trabalho típico para Bo pontes.

Pontes, um fotógrafo profissional, esportes e estilo de vida de Manhattan Beach, Califórnia, tem uma vida que a maioria das pessoas nem posso imaginar (se pudessem, eles imediatamente teria largado seus trabalhos do dia).

Ele viaja o mundo capturar alguns dos momentos mais puros da vida, e se é snowboard no sertão ou subida de 200 km/h, acima das nuvens, com Tom Cruise, você sabe que ele vai voltar com algumas fotos incríveis.

Seu trabalho tem sido apresentado em todo o mundo em capas de revistas e cartazes de filmes com muitas Considerando-o um dos melhores no ramo. Em 2008 ele abriu sua primeira galeria em Hermosa Beach, Californiaand by2013, ele foi capaz de abrir sua segundaGaleriaem Manhattan Beach, Califórnia.

Ele começou a atirar o X Games da ESPN em 1998, como eles se tornaram um atleta favorito pela primeira vez e continuaram a atirar em todas as competições de X Games depois disso.

Nos encontramos com Bo nosX Games , para ter uma ideia de como é a vida sendo um dos melhores fotógrafos e cinegrafistas no mundo.

Quantos anos você tinha quando você chegou em fotografia?

Eu comecei na escola. Meu último ano vou para a escola na Suíça e eu estava fazendo um curso de cerâmica e meu instrutor disse que, ‘Por que não vens tomar minha aula de fotografia, preto e branco filme?’ E eu era como, estou no último ano, só quero sair daqui e pós-graduação. Ele disse, ‘Eu vou te dizer o que, você entra e dar minha aula e se você não gostar, pode cair fora.’ Eu entrei lá e caiu no amor com ele.


Como sabia que a fotografia ia virar uma carreira?

Meu último ano de faculdade, tenho a minha licença de piloto, e eu comecei a voar e a virar o avião e abriu a janela para atirar umas coisas bastante abstrata. Então quando saí da faculdade, eu comecei uma empresa chamada acima & Beyond Arial fotografia e eu estava voando na Flórida e começou a atirar um monte de beira-mar, grande casas, campos de golfe e grandes hotéis. Um pouco lucrativo e fez um pouco de dinheiro.

Algumas namoradas de Vail, Colorado me disseram que eu deveria verificar, então arrumei tudo o que possuía em meu carro e disse a mesmo, ‘um mês lá fora.’ Eu comecei a fotografar de snowboard e esqui, e nunca mais voltou.


Qual foi sua primeira câmera?

Ricoh. Minha mãe comprou para mim; era uma câmera de filme SLR.


Quais são seus hobbies fora da fotografia?

Surf.


Que foto você mais se orgulha?

Alex Gray. A capa da revista de surfista, que era o Santo Graal para mim. E definitivamente a ‘missão impossível.’ Suspensão do avião como 200 mph com Tom Cruise foi ridículo.


O que é a sua missão de photoshoot favorito em que você já esteve?

Eu ainda acho que o mais louco, mais legal, photoshoot mais estúpida que já estive na foi o tsunami de geleira surfando em Cordova, Alasca. Isso foi em um rio, e havia uma geleira do tamanho de Rhode Island.

Se a geleira parido e bastante gelo caiu criaria uma onda de tsunami. Foi em 2007 e esperamos duas semanas para esta coisa a cair.


Você tem algum conselho para jovens fotógrafos lá fora?

Você realmente tem que abaixa a cabeça e sair e criar essa carteira, porque esse é o seu currículo.


Confira um pouco mais de amazingwork de Bo abaixo:












* Nota: Esta entrevista foi editada para comprimento.

Leia mais: http://elitedaily.com/sports/bo-bridges-photographer-x-games/1367685/

.

Be Sociable, Share!


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *